quando vacinar seu gato? Descubra!

Quando vacinar os gatos? Evite doenças com a imunização

Se você tem um gato novo na família é importante saber quando vacinar os gatos, para que eles estejam protegidos o mais cedo possível.

Assim, você consegue prevenir algumas doenças no seu felino. Evitando dor de cabeça, sofrimento e garantindo bem estar para o seu animal.

Portanto, é importante saber quais são as principais vacinas, e quando elas devem ser tomadas, para você estar com a caderneta de vacinação sempre em dia.

Continue lendo o artigo para saber tudo sobre as principais vacinas para os gatos e a importância de ter o seu animal sempre protegido.

 

A Importância e Quando Vacinar os Gatos

É sempre importante frisar que vacinar o seu gato é muito importante, assim como uma boa alimentação. Pois, assim como com nós, humanos, você pode prevenir o seu gato de muitas doenças com a vacina.

Felizmente, hoje em dia, temos a prevenção já para muitas doenças infecciosas que podem ser até mesmo fatais para o seu gato.

As vacinas funcionam fazendo com que o sistema imunológico do animal saiba como se defender e combater possíveis vírus e bactérias que entram no sistema do gato.

Portanto, é fundamental que você saiba quais as principais doenças que você pode prevenir com a vacina e quando você deve levar os seus gatos para tomá-las.

Além disso, algumas vacinas são importantes não apenas para o seu gato, mas para você também. Isso porque elas podem prevenir algumas zoonoses.

As zoonoses são doenças de animais que podem ser transmitidas para o ser humano. Então, ao vacinar o seu gato, você protege o seu gato, você e evita que a doença se espalhe para outros animais também, evitando um surto de doenças, por exemplo.

Então, para vacinar os seus gatos, você precisa primeiro de um veterinário de confiança. Mas, além disso, precisa saber quando deve aplicar essas doses.

Portanto, cada vacina e cada dose possui um tempo certo para que seja aplicada. Em geral, você deve dar a primeira vacina entre as 6 e 8 primeiras semanas de vida do seu animal.

Pois, é a partir da sexta semana que o gato possui um sistema mais desenvolvido, facilitando no crescimento dos anticorpos. Ainda, antes disso o gato ainda tem a proteção dada pela sua mãe.

A partir desse momento, ele pode começar a ficar desprotegido. Então, é necessário ir logo para o veterinário buscar as principais vacinas para proteger o seu gato.

Quando Vacinar Os Gatos: Guia Das Principais Vacinas

Na verdade, cada vacina possui uma época certa para dar. Além de algumas terem mais de uma dose, e mudarem o tempo entre essas duas doses.

Assim como para outros animais, e até mesmo para nós, seres humanos, uma das principais vacinas é múltipla. Ou seja, proteção para mais de uma doença, na mesma vacina.

Portanto, separamos aqui as principais informações que você precisa, de quando vacinar os seus gatos e quais as principais vacinas.

1. Vacina Polivalente

Essa é a polivalente para o seu gato. Por isso, é a principal e deve ser a primeira que você deve dar ao seu gato para o proteger das principais doenças felinas. Mas, na verdade, essa vacina pode ser tríplice, quádrupla ou quíntupla.

Ou então, V3, V4 ou V5. Isso significa que existem 3 versões diferentes dessa vacina. Portanto, essas são as vacinas que cada uma protege:

  • V3: Panleucopenia, calicivirose e rinotraqueíte;
  • V4: V3 + clamidiose;
  • V5: V4 + leucemia felina.

Panleucopenia é uma virose que pode afetar os filhotes, principalmente. Tendo como principais sintomas vômitos, pode causar febre e diarreia, podendo ser letal.

A Rinotraqueíte é uma doença que afeta o trato respiratório do gato, como se fosse uma gripe. Com isso, ele pode ter dificuldades de respirar.

Já a calicivirose é outra virose muito contagiosa, gerando problema no trato respiratório dos gatos, mas gera também ferida na boca do gato, tornando a alimentação mais difícil.

A clamidiose, que está inclusa na V4, é uma infecção bacteriana que gera problema nos olhos do gato, causando secreção que pode prejudicar a vista do gato permanentemente, se não for tratada rapidamente.

A leucemia viral, que está inclusa na V5, ataca o sistema imunológico do gato, o tornando vulnerável para outras bactérias ou até mesmo tumores. O seu maior problema é que ela demora para aparecer, e quando aparece pode ser tarde demais e acabar sendo letal.

São 3 doses da vacina, e, entre elas, você deve esperar cerca de duas ou quatro semanas para a próxima dose.

Com isso, ele estará totalmente vacinado com 16 semanas de vida, se tudo for feito corretamente. Mas, isso é só para gatos filhotes.

Caso a primeira dose seja dada quando o gato for mais velho do que 8 semanas, são apenas duas doses, e não 3.

2. Vacina Antirrábica (raiva)

Raiva é uma das principais doenças que podem afetar os animais, além de ser uma zoonose. Por isso, é uma que não pode faltar na carteira de vacinação do seu gato.

Essa doença é uma das mais perigosas, apesar de ser rara hoje em dia. Pois, ela possui uma taxa altíssima de mortalidade. Então, a melhor maneira de proteger o seu gato dessa doença é tomando a vacina.

Com essa doença, o vírus entra no sistema nervoso do gato e pode gerar mudanças bruscas de comportamento, e tornar a ingestão muito difícil.

Portanto, por não estar incluída na vacina polivalente, é preciso tomar essa vacina separadamente. Então, ela pode ser aplicada depois da polivalente, ou a partir de 12 semanas de vida do seu gato.

Conclusão

Então, agora você sabe quando vacinar os gatos e que as principais vacinas que você deve dar a eles são a polivalente e a antirrábica.

Mas, é importante mencionar que alguns gatos podem ter particularidades. Como por exemplo, se você adotar um gato que morava na rua.

Por isso, é importante ver com o seu veterinário se o seu animal precisa de alguma vacina além das básicas que todos precisam tomar.

Portanto, se você ainda tem alguma dúvida, deixe-a aqui nos comentários e iremos lhe ajudar!

Deixe um comentário